Resenha

RESENHA DO LIVRO || MANUAL PRÁTICO DE PRODUÇÃO

Manual de Cinema

Olá Nosso Devanienses (E Produção )!

 

 

Devo agradecer mais uma vez à Chiado por me dar a oportunidade de ler este livro. O livro está assim, porque eu adoro ler enquanto tomo banho. É bastante relaxante. Um livro, uma caneta e muita espuma. Como o livro é encadernado fica assim na parte de baixo. O próprio papel é bastante bom, mas a água e os livros não são os melhores amigos. Mas um livro e bom banho é muito prazeroso. 

O livro é cem por centro o que promete. Mostra todas as dificuldades práticas. Claro que em Portugal é mais difícil criar cultura. Um dos pontos que chamaram a atenção é que nos Festivais de Cinema, a maioria, não aceitam filmes que foram difundidos na internet. Hoje em dia, com o Youtube é super prático. Claro que cai no domínio público, mas para primeiros filmes pode ser uma boa fase de arranque. Comparado com um Prémio da importância dos do Festival de Cinema, já é um caso a pensar. Porém, se o filme não ganhar nenhum prémio nesse ano, porque não? A partir de mil visualizações dá um dólar. Traduzido em euros são oitenta e seis cêntimos. Multiplicado por milhares ou mesmo milhões de visualizações, porque não?

 

 

Este valor que eu dei, é em Portugal. Pelo menos, foi o que Youtuber disse que ganhava. Mais ou menos um dólar por cada mil visualizações, mais coisa, menos coisa. A mesma Youtuber também afirmou que no Brasil se ganha mais por mil visualizações. Sempre é melhor do que nada. 

Tem vários conselhos práticos. Várias formas de chegar a um bom resultado. Esta foi a Tese de final de curso de Sandra Lopes. Sem dúvida que os cursos são importantes para esta arte. Sem formação, quase de certeza que o trabalho não será bem executado. Dai que as franjas (repas) feitas por pessoas que não são profissões são uma grande bosta. Se existem formações é porque são importantes.

 

Beijinhos

 

Deixar uma resposta