Teorias ou Manias

SERTANEJO UNIVERSITÁRIO || JOÃO CALEFE

Descobrimento dum novo talento

Olá Queridos Devanienses ( E João Calefe )!

 

Resultado de imagem para Calefe

 

Não conheces este cantor? Como assim? Ouve esta que é uma das minhas favoritas e depois volta. Só queremos pessoas cultas no nosso Blog. Francisca, claro que sabem que estou a brincar. É cultura, mas cada um tem a sua. Mas que é alta desbunda é.

“Se é para tombar, dormi.” Bruna Gomes

Para começar, ao contrário do que um Brasileiro disse, o Sertanejo Universitário não é a música pimba do Brasil. Quando ouvi isso, o meu estômago revirou-se. Como assim? Música Pimba é um “género” de Portugal. Do tipo:

“Lá na rua onde eu moro, conheci uma vizinha
Separada do marido está morando sozinha
Além dela ser bonita é um poço de bondade

Vendo meu carro na chuva ofereceu sua garagem!

Ela disse: ninguém usa desde que ele me deixou!
Dentro da minha garagem teias de aranha juntou!
Põe teu carro aqui dentro, se não vai enferrujar!
A garagem é usada mas teu carro vai gostar!”

 

Não tem nada a ver. Não é uma questão de opinião, é um facto. Sertanejo está à anos luz da Música Pimba.

 

Resultado de imagem para Calefe

 

Falando de João Calefe, faz lembrar algumas pessoas. Três pessoas. O Maicon Santini e duas pessoas que andaram comigo no Colégio ( Escola Privada), o João Pedro que chamávamos de Alentejano por falar de forma lenta e o Noronha. Sim, andei numa privada por quinze anos. Tenho orgulho nisso. Não me faz melhor ou pior do que ninguém.

 

Maicon Santini

 

João Pedro (Terceiro a contar da esquerda)

 

Noronha

As fotografias dos dois últimos não faz muito juz, mas pessoalmente são bastante parecidos com o Calefe. Ao menos, é a minha opinião, não é nenhum facto. Podes discordar. Estás no teu direito. É isso que torna o Mundo Colorido. Não tens de ser uma marioneta. O que eu digo não é lei. Até o próprio João Calefe pode ler o nosso Blog e não gostar. O quê? Quem? Era para rir?

Vou fazer uma pequena confissão, eu não consigo dizer o apelido dele. Enrola a língua. Quanto mais tento mais piora. Mas eu tento. Sai “Cacoiso”, “Carpete” e a nossa Enfermeira K também tentou, saiu “Capeta”. É díficil. O Christian Figueiredo diz “Windor”, em vez de “Windoh”. Super normal. É uma questão de sotaque. São apelidos diferentes, só isso. Eu tenho uma história sobre isto. Estou a escrever e estou-me a rir. A primeira vez que tentei dizer “Mazeda” saiu “Maizena”. Ele riu-se e ensinou-me. Foi de boa. É difícil. Mas estamos quites, ele também não sabe dizer o meu nome. Carrega muito no “a”. Não era para mim, mas o nome da pessoa que ele falou era o mesmo. Eu tive de me rir. O meu segundo nome. Na boa, de coração.

 

Resultado de imagem para Calefe

 

Por acaso o meu segundo nome também fazem confusão na minha Família Paterna. Num Natal, “discutiram” se era como ele disse ou não. Não tem nenhum acento para se carregar no “a”. Para quem quer saber qual é esse nome perfeito, é o nome da Mãe do Lucas Oliveira, mais conhecido por Lucas Lucco. Até o primeiro é complicado de dizer para algumas pessoas. Super normal. O meu nome é Liliana Carina Coelho. Para mim é magnifico, é o que importa.

Não gostas? É a tua opinião, de boa. É verdade, é um facto, não se carrega no primeiro “a” de Carina, porque não tem nenhum acento. Se disseres mal, estamos na boa.

Já desde pequena que se notava que eu não ia ter muita facilidade em dizer algumas palavras. Eu dizia, com quatro anos, “Fidorifico” em vez de “frigorifico” (geladeira, no Brasil). Como vou conseguir dizer “Calefe”?

 

Resultado de imagem para Calefe

 

Estou a falar muito de mim? Eu? Dá-me um minuto, por gentileza. ( Produção, dêem um Cheeseburguer à Francisca para ela dizer que é um absurdo tal informação.). Não, não estou. Sou maravilhosa, sou, mas estou a falar nele. Continuando a falar nele. João Calefe, Leonino nascido no dia vinte e cinco de Julho de mil novencentos e noventa e três. O segundo melhor Signo.

Não deixa de ser um signo complicado. Por acaso é o meu Ascendente. E até aos meus vinte e seis, vinte e sete anos eu era assim, hoje em dia ninguém chega ao meu Ego. Era o que faltava. Vinte e quê? Eu tenho dezoito anos mais o IVA (Imposto, quanto mais imposto, mais luxuoso é, como eu sou. O meu IVA é muito superior ao máximo de IVA existente. É de ser Tourina. Teimosa até dizer chega.).

Por acaso, a minha Mana do Meio é do mesmo dia. Ela afirma que não gosta de críticas (mesmo que não sejam, se ela achar que é passa a ser), adoro elogios e ser bajulada. Mas ela entende quando a elogiam por elogiar ou para a usarem, ela não gosta. Têm de ser elogios sinceros. Se estiverem perto dela e estiverem a perder tempo a elogiar outra pessoa em vez de elogiar a ela, ela não gosta. Mana do Meio, eu adoro-te. Como não nos adorar, não é mesmo?

Não comeces já a criticar. Fica sentada. Leonino é generoso, glamouroso, teimoso, tem um ego que só Jesus na causa, tem um orgulho que vai pelo mesmo caminho do ego. Francisca, eu não estou a falar de mim. Sou bastante orgulhosa, mas e dai? Não é pecado. Eu posso. Francisca, já não te estou a ver bem. Vai comer outro Cheeseburguer.

 

Imagem relacionada

 

Leonino é um bicho complicado. Não é para rir, porque é real. A minha Mana Velha é Virginiana. O Pai dela é Leonino. Ele sabe muito bem que ela não liga nada ao telemóvel (celular). Está sempre no silêncio. O Pai ligou algumas vezes. Ela não lhe deu atenção, não atendeu. Não ouviu. O Pai deixou de falar com ela por um bom tempo e só mandava bocas (indirectas) durante os Almoços que tinha com ela. A própria Filha. É real. Fiquei chocada. Para não falar que são dois Virginianos e dois Leoninos na mesma casa. Só Jesus na causa.

Eu sou um pouco distraída, vocês já sabem. Calefe de quase vinte e cinco anos (Sim, é novinho) é um ser abençoado de talento. Que voz do Inferno. Claro que toda a gente sabe que quer dizer que a voz é quente.

E o melhor é que se nota que ele se diverte com o trabalho que faz. O que torna tudo mais perfeito. Podes até nem gostar da letra, mas eu garanto-te que vais viciar por causa da voz dele. Isso é brutal. Digo mais, nunca tinha encontrado ninguém com a capacidade vocal de conseguir viciar-nos numa música cuja a letra não gostamos e ele foi capaz. Merece todo o mérito nisso. Embora, a letra que eu não gosto não seja dele. Para ele é a melhor do Mundo, aceito, mas não sou obrigada a gostar, nem a ser falsa.

Cada video que ele apresenta está melhor do que o anterior. A voz tem uma evolução altamente. Francisca, eu só coloco aqui conteúdo de qualidade. Não vou ser mais uma.

 

Resultado de imagem para Calefe

 

Conheci o trabalho dele após descobrir uma resposta de 50 reais. Uma letra que parecia dedicada ao Imbecil. Quem sabe quem é, sabe, quem não sabe, não perde nada. Também conhecido por Burrinha ou Daniela Santos. Sim, eu dou nomes muitos fofos. No feminino é melhor. A Daniela Santos foi ele que se intitulou para trabalho, claro dizia ele. Melhor do que ele, porque se achava muito bom e não passa dum armário. Alguém está a falar do Imbecil? Ninguém está a falar do Imbecil, Francisca. Continuando, sugeriu a música dele. Eu só pensava “Eu também quero dedicar isto ao Imbecil. Era mesmo isso que ele tinha de ouvir para se tocar!” e imaginei tudo na minha cabeça, porque sou dessas.

Fui ouvido, fui estudando. Só pensava “Oh Jeová (Está na Biblia que é o nome dele. Deus é um título.) esta voz existe? Não é possível.”. Para não falar que é muito fofo. Ele foi a um programa de televisão “Leva-me contigo” e filmaram a barriga. Eu vi essa parte vezes sem conta. Que umbigo fofo! É assim um risquinho. AMEI! E depois tinha o Amigo fura-olho, mas vamos passar à frente. Eu também caiu. Torço muito os pés. E dai? Não estou nem ai.

Ele merece vir a Portugal. Conseguem imaginá-lo no Você na Tv? Eu consigo! Em Itália, País mais perfeito. Porém, no Você na Tv seria maravilhoso. Eu partilhei lá, quem sabe…

 

Resultado de imagem para Calefe

 

Vamos fazer força para ele vir ao Você na TV? Ele merece. Conto convosco! Gostaria de aproveitar para agradecer a quem partilhou as músicas dele que pus na Fan Page e a quem ouviu. Vocês são os melhores! Tenho muito, mas muito carinho por vocês, acreditem.

Se a Larissa Machado, mais conhecida por Anitta, foi ao Rock in Rio Lisboa, ele também pode vir cá. A Anitta é boa, mas João Calefe é tipo o próximo Johnny Depp. Já ouviram o Johnny Depp a cantar? Que rei! E tem uma banda. Tem ou tinha. Um artista bem completo. Sem falar que é muito giro e charmoso.

João Calefe. O que há mais a dizer sobre o trabalho dele? Ouçam e viciem.

 Uma coisa à parte. O nome da música não 5 de Maio, mas sim 4 de Maio. Corrijam isso. Quatro de Maio é o melhor dia do Mundo. Francisca, dá para entender que estou a brincar.

 

Resultado de imagem para Calefe

 

Sim, eu gosto de Sertanejo. Sou muito eclética. Adoro Sertanejo, Blue, Jazz, Pop, Pop Rock, Rock, Rap, Metal, Raggae, Reggaeton, Hip-hop, basicamente não gosto de música pimba, fado e house. Não sou obrigada, não é mesmo? Eu gosto, não és obrigada a gostar.

Como sabem, eu só partilho convosco o que gosto e acho de qualidade. Estou a fazer este post, em conjunto com a Francisca, porque gosto de vos dar matérias de qualidade. Não faço por fazer. Aliás, este post está demorar mais do que a média (cinco horas e meio). Ser Blogger dá trabalho, eu sei. Não cai do céu, dá trabalho. Exactamente como Youtubers, Cantores, Fótografos. O Brasil é tão evoluído…

Continuem a partilhar as músicas dele, ouçam-nas. Um dia ele estará no Você na TV e será mais um início. Já o imagino a falar com o Goucha. A ser entrevistado por ele. A cantar no palco as minhas músicas favoritas: Não se iluda, A Catuaba do Poder, Playboyzinho, Chama o Samu e Chora Boy.

 

Resultado de imagem para Calefe

 

Samu não é o diminuitivo de Samuel, é o Inem de lá. Que eu dizia “Irene”. E o da Catuaba nota-se mesmo que eles os dois estavam-se a divertir. Está top! Está muito engraçado.

Sonhem comigo. Até eu via o Você na Tv se ele aparece-se. Não, no Secret Story, não. Estás parva, Francisca? Que segredo é que ele iria ter? Tem um Amigo fura-olho. O que foi, Francisca? Não gostei. Quem desdenha quer comprar e ele desdenhou e no final mostrou que queria comprar. Falo mesmo. Tenho opinião própria. “Meio tortinho”. Tortinho o quê?! Bem direito aos olhos de Deus e não só. Não me vou alongar. Já sei outro segredo: Não posso aparecer no programa dos Diva Depressão, porque isso vai ferir o meu Ego. Francisca, estou a brincar. O que é o nosso Blog sem humor? Só mais um.

Imagem relacionada

 

Depois de ir ao Você na Tv, pode aparecer na revista Cristina. É dois em um. Ela apresenta o programa, porque não?

Vou ajudar-vos a imaginar com uma fotografia:

 

Resultado de imagem para revista cristina

 

Francisca, foi só para imaginarem. Que fabuloso, que incrível! Sonhar não é pecado, Francisca. Mas seria brutal. Estou entusiasmada. Encher o Coliseu. Os dois. Faz uma novela como os Morangos com Açúcar ( Junção da Malhação com a Rebelde). Será cantor também na novela como eles eram. Vai fazer concertos pelo país como eles faziam. Que babado. Depois pode ir para Itália. A seguir vai para Nova Iorque e faz vida. Porque não?

Francisca, não estou a exagerar. E se ele cantasse com o Pedro Madeira, com o Edmundo Vieira, com o Vintém, com o Cifrão, não era fenomenal? Pois, Francisca, com o Angélico Vieira também era bom. Acreditas que ele já morreu há sete anos?! Tinha vinte e oito anos e a banda ia voltar a juntar-se. E já participou na novela Dance Dance Dance do Brasil, era o Bruno Medeiros. Portanto, se ele conseguiu, porquê que o João Calefe não pode conseguir?

 

Resultado de imagem para Angélico Vieira Dance Dance Dance

 

Sem dúvida, a maioria dos melhores artistas morrem cedo. Filho duma Cabeleireira e dono dum talento enorme. Imaginem eles, Angélico Vieira e Calefe, a cantarem juntos a “Bailarina”. Só imaginem. Seria lindo. Estou até a chorar de emoção só de imaginar. Talvez também de saudade.

E com a Aurea? Melhor mesmo era com o Waze e com o Piruka. Estou a exagerar, Francisca? Não. E com o Regula? Não te rias. Iria ser interessante. Mas com o Deau tem de cantar. Não porquê? Francisca, amuei contigo. Deixa-me sonhar! Ele pode ser eclético. Eu só consigo escrever em prosa. Poesia não é para mim. Mas ele pode conseguir vários géneros. Não te rias, fazes-me rir. Ele pode cantar hip-hop. Eu acredito no talento dele.

Um à parte, mais um. Não me podem censurar por não conseguir dizer “Calefe”. Uma Brasileira disse “Pirraza” em vez de “Piçarra” (no minuto 10:57). Que linda. Amei-a. É o “Picoiso”. Que amor de pessoa. Vou adopta-la e pô-la num franquinho para a afastar deste Mundo mau. Ser Tourina é assim.

 

Resultado de imagem para joão calefe

 

Mas com o Valas tem de contar. “As coisas” na voz do Calefe, eu amava!

Agora imagina o João Calefe a cantar esta parte da música do Waze:

Num mês em shows pergunta na fam demos a volta ao país
Já que gostas tanto de underground
E não te mexes devias mudar o nome para raíz
Se rimas são balas fazemos ra-ta-ta
Vou ser disco de ouro não quero pra-ta-ta
Não toques no que é meu tira a tua pa-ta-ta
Confesso subo com fé se eles vierem contra nós a fam ma-ta-ta

 

Acho que tem a ver com ele. Disco de Ouro é o mínimo que ele merece. Merece todo o sucesso do Mundo! COMPARTILHEM MUITO O TRABALHO DELE. Agradeço de coração o que fizeram até agora! Vocês são tão, mas tão top!

 

Resultado de imagem para Calefe

 

A Francisca também tem uma palavra a dizer. Ela está apaixonadinha por uma pessoa que faz anos no mesmo dia. Que por acaso é o ex-marido da ex-melhor amiga. Na cabeça de Francisca ele era demasiado irritante. Esse pensamento era só para disfarçar os seus sentimentos. Nunca “gostou” minimamente dele. Fazia frete, mesmo após quatro anos de divórcio do casal. “Só era cordeal com ele”, pois ele era um irritante de primeira apanha, arrogante e presunçoso, sempre de polo, camisa e relógio. Tatuagens!

Um novo rico armado em importante só porque é Advogado e cozinha bem. Sempre simpático que até enjoava! Moreno, olhos verdes que ficam bem no cabelo loiro escuro e curto. Barba, a barba que tanto irritava Francisca. Aquela barba que a picou sempre que ela o cumprimentou por obrigação (mesmo após o divórcio). Barba de quarentão convencido. Irritava-a naturalmente aquele homem. Mas irritava mesmo.

Era só um amor disfarçado. Quando eles se envolveram, na cabeça dela ele tinha sido um cabrão, pois desapareceu do mapa durante duas semanas. A verdade é que ele estava confuso pelo facto dela ser a ex-melhor amiga da ex-mulher dele. Um aparte, a Francisca cortou relações com a ex-melhor amiga, mas teve a ver com atitudes dela que a própria Francisca não entendi: as constantes traições.

Após esta resolução, tiveram algumas discussões que se resolveram bem. É meio óbvio, porque estão juntos. Ele é muito protector e preocupado com ela. Faz de tudo para a ver sorrir. Ajuda-a em tudo. Gosta de lhe fazer surpresa e ela corresponde de igual modo. Cozinha para ela. Tem bom gosto. Um verdadeiro Leonino.

Beijinhos

 

Deixar uma resposta