Miss L

RECURSOS HUMANOS || FEEDBACK

Olá Nossos Devanienses!

Para quem não sabe, estou a estudar Recursos Humanos e estou, simplesmente, a adorar.

Aprendi, até agora, bastante sobre a área. Eu sempre gostei desta área, pois lidas-se com o público. Dos interesses do público.

A formação acaba no dia cinco de Novembro deste ano. Poderia ser mais tempo.

Sei que na teoria é uma coisa e na prática é outra, mas pelo menos, ajuda-nos a não cometermos mais erros no Mundo do Trabalho. Quem não sabe é como quem não vê.

Beijinhos

Miss L

TU ÉS DIFERENTE || REFLEXÃO

Olá Nossos Devanienses!
Hoje vou escrever sobre uma menina que conheci no ano passado. Vamos chamar de Ana.
Ana tu és diferente de todas as outras. Falo no bom sentido. Sabes porquê? És especial. Demais para ele e tu sabes que vosso amor é impossível.
És uma grande mulher e ele uma criança grande cheio de desculpas.
Ana tu nunca foste a namorada dele e tu sabias. Tu eras mais do que alguém do tipinho dele merecia. Muito mais.
Nunca foram feitos um para o outro, mas tu estavas apaixonada e iludida com as mentiras dele.
Tu vias uma luzinha fraca no fundo tunél e lutavas. A luta era desigual. Tu anulavas o teu sorriso em prol do dele. E o que ele fazia? Andava com a pseudo-melhor-amiga nas tuas costas.
Tu amaste de verdade. Ele não. Tu lutaste pelo que sentias. Ele não.
Ele ria-se da tua cara. Chamava-te de maluca pela costas. E tu? Ana, tu amaste de verdade.
Ele não te deu valor. Tu deste-lhe mais valor do que ele tinha.
Ele perdeu com o fim do vosso caso. Tu não!
Beijinhos

Miss L

CHEGOU O MÊS DE OUTUBRO || REFLEXÃO

Olá Nossos Devanienses!

Estamos em Outubro. Tão pertinho do Natal. Tão pertinho do Ano Novo. Tão pertinho do Sétimo Aniversário do Blog. Sétimo! Como assim?!

Este ano está a passar super rápido. Ando a ler “Cinco Quintos de Laranja” da Joanne Harris. Estou a amar.

Sinto que li pouco este ano. Mas li e tudo que li soube-me extraordinariamente bem.

Outubro. Outubro, o que trazes para nós? Múltiplos de alegria? Acho que o mês é bom para refletir.

Sem esquecer que é o mês das Bruxas, o Halloween. O mês de ver muitos filmes de terror!

Espero receber tudo de bom que o mês tiver para dar.

Beijinhos

Miss L

PROGRAMA DE DESENTOXICAÇÃO || YVES ROCHER

Desentoxifica o teu corpo com a Yves Rocher

Olá Nossos Devanienses ( E Querida Teresa Vieira da Yves Rocher )!

 

Imagem relacionada

 

Fui desafiada a experimentar este Detox e os comprimidos desentoxicantes. Podem adequirir com a Teresa Vieira. Super simpática e profissional. Comecei no dia vinte de Maio e acabei no dia vinte e oito de Julho.

Nos primeiros dez dias bebi o Detox, ou seja até ao dia trinta de Maio. Desde o dia trinta e um de Maio até ao dia vinte e oito de Julho tomei os comprimidos.

 

Resultado de imagem para Comprimidos Yves Rocher

 

Bebi de forma agradável em todos os dias. Fácil de beber com o seu agradável sabor. A pêssego, eu acho. Uma maneira fantástica de beber um litro e meio diariamente. Limpa o organismo e hidrata. Limpa o organismo a todos os níveis.

Quanto aos comprimidos, tomava-os ao Pequeno-Almoço. Um por dia.

Não confundam desentoxicação do organismo com produto para emagrecer.  O objectivo é limpar o organismo, não é perder peso. A Yves Rocher tem um grande leque de produtos para todo o tipo de casos. Eu pertendia desentoxicar o meu organismo.

Senti um grande bem estar e aconselho que seja feito anualmente.

Beijinhos

 

Miss L

ESTAR DE LUTO || NÃO USAR VERMELHO

Olá Nossos Devanienses ( E Quem Não Desistiu Do Vermelho )!

 

Imagem relacionada

Eu pensei bastante antes de escrever este post. Visto que sou apologista que a minha profissão de Blogger serve para entreter, informar e por essa linha. Talvez uma espécie de máscara. Como em todos os trabalhos, não é mesmo? Ninguém iria gostar de ser atendido por uma pessoa com cara de poucos amigos. É um facto. E o facto de estar por trás do computador a escrever, ajuda imenso. Reparem que eu não coloquei a palavra “apenas”. Acho uma palavra um pouco vazia. Pode escapar? Pode escapar.

O que quero dizer com isto é que fazem uma simbologia muito grande à volta do preto e do vermelho. Há uns anos atrás, morreu uma pessoa bastante, mas mesmo bastante especial para mim. E eu estive muito tempo sem usar vermelho. Só perante a simbologia, mesmo. Pensava que só deveria usar essa cor quando acabasse de fazer o meu luto. Depois voltei a usar vermelho aos poucos. A minha Irmã até dizia que eu não gostava de vermelho. E posso dizer-vos: não mudou rigorosamente nada!

Continuei a sentir falta. Continuou tudo igual. A dor que eu sentia antes de voltar a usar era a mesma que tinha quando voltei a usar. Ela estava lá e eu sabia disso. Só. E pensei: Afinal, o que importa usar preto, azul, vermelho, branco ou cor-de-rosa? Algumas são cores, outra é mistura de todas às cores (preto) e a outra é a ausência de cor (branco). Pode influenciar o estado de espirito? Pode alterar o estado de espirito. É só nós deixarmos.

 

Resultado de imagem para Chorar

 

O vermelho é muito crucificado duma certa forma. Mas ele não faz diferença nenhuma. “Ah, usa vermelho é porque já ultrapassou.”. “Ah, está toda de preto, está de luto.”. “Ah, está a vestir vermelho quando ele morreu tão recentemente. Que desrespeito. Depois vai chorar e dizer que o adorava e que tem saudades dele. Que falsa!”. São muitos rótulos nesta vida. O vermelho acaba por ser uma fachada, por causa desse rótulo. Há um pouco de preconceito. Um preconceito muito grande.

Passou um mês e a pessoa está usar vermelho? Não quer dizer que não exista dor. Passou uma semana e a pessoa está usar vermelho? Não quer dizer que não exista dor. Passou um dia e a pessoa está usar vermelho? Não quer dizer que não exista dor.

E se for a cor favorita da pessoa que morreu? A cor pode simbolizar uma homenagem. A dor vai estar lá se estiver de estar lá. Quer a pessoa esteja toda de preto ou toda de branco ou mesmo toda de vermelho. Ponto final, parágrafo.

“Ah, mas é um desrespeito pelo morto.”. Sabe o que é um desrespeito pelo morto? É cuspir na campa ou mesmo no corpo dele arrefecido. Isso é que é desrespeito. Não é uma cor. “Mas simboliza sangue.”. Simboliza o que a pessoa quiser. E se aquela roupa vermelha foi oferecida pelo morto num momento especial para os dois? Também é desrespeito? Pelo morto quando estava vivo, claro. Eu vejo filmes de terror e amo de paixão, mas vamos com calma.

 

Resultado de imagem para Chorar

 

Cada coisa no seu lugar. Se a pessoa tem a sua dor, não vai deixar de a ter só porque veste vermelho. Não existe isso. Não é uma cor milagrosa. “Ah, vou vestir esta roupa vermelha e vou-me sentir melhor e amenizar esta dor horrível.”. Não existe isso! Nunca existiu. É só um pensamento quadradinho.

Obrigada!

Beijinhos

Miss L

Momento Doméstico || Algo Que Adoro

Olá Nossos Devanienses!

 

Eu adoro partilhar com vocês pormenores sobre mim que dão origem a posts. Quem tem posts diários tem de de se virar para os lados que pode.

E porque não contar-vos algo que adoro fazer nas lidas domésticas? É um bom tema. Dá para a menina e para o menino. Um pormenor que vos acrescenta algo sobre mim.

Eu adoro lavar a loiça. Sim, é verdade. É quase terapêutico. Prefiro ficar sozinha sem ninguém a azucrinar-me a cabeça enquanto o faço.

Porém, detesto acabar de lavar a loiça e vir alguém, com toda a delicadeza deste Mundo e do outro, e colocar mais uma chávena para eu lavar. Ai explodo. É brincar. Esperam que se lave o último item para colocar mais um. Fazem questão de beber o líquido nas calmas. É brincar.

Apesar de adorar lavar a loiça, detesto arruma-la.

Não é que de vez em quando não me dê uma preguiça e não use a máquina de lavar loiça. É raro. Só mesmo para dar uso.

Nestes momentos, uso e abuso do vinagre. Fica a loiça impecável. Adoro.

Até para limpar o chão. Água quente e vinagre e fica perfeito. Claro que no que toca à loiça também uso líquido da loiça.

No chão, não uso qualquer tipo de detesgente.

Beijinhos

 

Miss L

Banho De Jasmine || Melhor Momento

Olá Nossos Devanienses!

 

Uma coisa que adoro de paixão é tomar banho à noite. Sim, à noite. Antes de ir dormir. É simplesmente maravilhoso.

Ligar uma vela. (Eu adoro velas. Eu tenho velas. Esqueço-me de usa-las. É totalmente irritante. Vou tentar mudar este ano. Tentar, só.) Fechar a tampa e ligar a água na parte quente. Colocar o gel de banho do momento. Entrar na água e desfrutar.

Quando ligo a água no modo quente, ela começa por sair fria. É uma maneira de poupar, pois eu gosto que água esteja morna. Bem moreninha. De preferência que não esteja, como alguém disse que gostava, “morna po fria”. Pó! Pó deve ter na cabeça desse infeliz. Enfim. Eu corrigo logo com um ” para o”. Continuou a escrever igual aquela desgraça.

Como sabem, adoro quando o gel de banho acaba. Comecei a usar hoje um. Nunca tinha experimentado. É o de Jamine da Avon.

Super recomendo. Podem adquiri-lo, como já sabem, com a Beatriz Teixeira e com o vosso super desconto.

Cheira imensamente bem. Faz uma espuma maravilhosa.

Sei duma pessoa muito especial para mim que iria adorar. Ela é fascinada por jasmim (ou jamine como diz na embalagem da Avon).

Durante o momento de relaxamento proposto, nada melhor do que ler um livro. Nada mais perfeito.

Sair. Colocar creme nos pés. Colocar umas meias. Vestir o pijama. Dormir que nem uma princesa!

Beijinhos