Natal 2017

Circo || Falando De Gostos

Olá Nossos Devanienses (E Amantes De Circo)!

 

Parece que estamos cheias de ideias para novas rubricas. Neste caso, criamos a Falando de Gostos.

Nesta época de Natal há bastantes circos espalhados pelo país e confesso que não gosto nada.

Quando dá na televisão no Natal é um terror. Pois, embora eu nem veja televisão, no Natal tem de estar ligado, normalmente. Não dá mais nada.

Quando era pequena, só ia, porque davam-me um presente no final. Tinha de aguentar. Ao menos, tinha comida. Aqueles espetáculos que algumas empresas arranjavam para os seus funcionários e no final davam os presentes aos filhos até uma dada idade. (Não sei se me expliquei bem. Funcionários da empresa que aluga o espetáculos, comprando os bilhetes para os funcionários, não falo dos funcionários do circo em questão).

Eu sempre detestei circos por duas razões: os palhaços não tinham a menor graça maltratavam animais.

Até nos filmes de terror dispenso palhaços. Não tenho Coulrofobia, medo de palhaços, mas não lhes acho a menor graça em nenhuma das situações. Pode ser sisma? Pode ser sisma. Até porque eu não iria a um circo, mesmo que não houvessem palhaços e animais.

Não vou dizer que não gosto de nada no circo. Gosto da comida, normalmente, pipocas e cachorros, e dos presentes do final. Presente esse que já não recebo. Pipocas cachorros como em casa. Logo, não tenho motivo nenhum para ir a um circo. Com o preço do bilhete (cada vez mais caros) posso ir comer um rodízio de sushi.

Só há um circo que eu gosto, o Circo da Série The American Horror Story ( TAHS). 

Não gosto mesmo, de todo. Acho que esses profissionais devem ser vistos por pessoas que ainda não perderam a magia do circo. Eu acho que nunca tive.

Beijinhos

 

Natal 2017

Natal 2017 || Espírito Natalício

Olá Nossos Devanienses (e Natal 2017)!

sushi.

O Espírito de Natal este ano está mais activo ou sou eu que estou a ficar senhora (AKA velha)? Não respondam, por gentileza.

Já liguem vezes sem conta para o Pai Natal. É muito aconchegante. Não faço o que ele diz, mas amo ouvir.

E agora devem-se estar a questionar se isso quer dizer que já tenho todas a prendas. Claro que não. No dia 1 de Dezembro, arranjei a minha primeira prenda. Já está na árvore. É para o Papá.

Até ao dia 9 de Dezembro tenho de ter todas as prendas organizadas. Esse dia tenho o Jantar de Natal. Esse facto faz com que seja o meu limite.

Caso se estejam a perguntar o que será o jantar, é meio óbvio: sushi.

Terá uma surpresa, irei mostrar se possível.

Beijinhos