Natal 2017

Sushi do Amor || Prenda de Natal

Olá Nossos Devanienses!

Uma das minhas Princesas voltou para a sua terra natal e as saudades aumentam a cada dia.

A A escolheu como prenda de Natal um almoço de sushi. Eu escolhi o Tokyo Sushi como sempre.

Amo esta restaurante e é super barato! A A A adorou e até lhe tiraram um dos dois pratos que tinha.

Rimo-nos imenso. Foi uma prenda de Natal maravilhosa.

Foi uma tarde maravilhosa. A A sabe que a adoro muuuitooooooo.

Obrigada pelo presente.

Beijinhos

Natal 2017

Os Meus Presentes || Natal 2017

Olá Nossos Devanienses ( E Meus Presentes de Natal)!

 

Este ano tive um Natal muito recheado. Não falo só de presentes, mas também. Este ano, recebi bastantes presentes, desde chocolates a frigideiras. Sim, também recebi um frigideira. Para quem não sabe, eu adoro cozinhar, porém, em termos gerais, só cozinho para mim, pois eu prefiro ervas aromáticas ao sal.  A massa, normalmente, sparguetti (esparguete), não coloco sal, nem manteiga. Devido ao simples facto que eu vou misturar com outros ingredientes que já têm sal e com ervas aromáticas, como já referi. Ou seja, cozo só em água e depois misturo com outros ingredientes para dar sabor. É uma questão de gosto.

 

 

Hoje têm direito a duas fotografias, pois não coube tudo junto. Falta só um presente: um pijama. Pelo simples facto que neste momento estou a usa-lo enquanto trabalhamos neste post. Logo, não dá para mostrar. É bastante quente e confortável para este Inverno que começou no dia 21 de Dezembro, Solstício de Inverno.

Muitos dos produtos oferecidos pertencem à marca: Oriflame, Avon  e Yves Rocher.

Através das parcerias deste nosso blog conseguem os melhores preços e o melhor acompanhamento nas vossas compras ou, quem sabe, a melhor ajuda para começarem o vosso negócio com as melhores vantagens.

Todos os presentes encheram-me o coração. Eu guardo sempre um presente para a manhã do dia 25 de Dezembro, normalmente, a prenda a minha Madrinha. Este ano, na manhã de Natal, reparei que me tinha esquecido de duas ou três na árvore devido à quantidade indeterminável de presentes que recebi. Cada um dos meus presentes encheu-me mesmo o coração.

O presente da minha Madrinha foi muito fora da caixa: a camisola azul escura com bastantes flores (ver na fotografia).

Uma surpresa atrás da outra!

Até velas recebi! Eu tenho um grande problema com velas: adoro velas, mas nunca as uso. Por vezes, tenho as velas em caixas durante anos. Isso irrita-me. Estou sempre a asiar o uso delas.

Recebi também tacinhas para colocar a comida para almoçar no trabalho. um delas até tinha garfo.

Perfumes sem fim.

Meias, prata e chocolate. 

Os meus After Eight não poderiam faltar. São os meus chocolates favoritos. São completamente maravilhosos.

OBRIGADA POR CADA PRESENTE!

Beijinhos

 

Natal 2017

As Minhas Tradições || Natal

Olá Nossos Devanienses (E Queridas Tradições)!

 

O Natal é sempre passado com a família paterna. Vai rodado entre o meu Papá e duas irmãs dele, embora sejam seis Irmãos, mas isso é um aparte.

Começa por volta das vinte horas. Os meus Avós são os primeiros a chegar (a todos os acontecimentos). Ajudamos a tratar das coisas ou conversamos uns com os outros.

Jantamos o típico bacalhau com todos. Bacalhau com todos é bacalhau com batata cozida, ovo cozido, couve e grelos. Ou polvo para quem gostar. Eu não gosto.  Comemos as mil e uma sobremesas.

Abrimos as prendas às vinte e três horas.

Antes da meia noite, o meu Avô e mais algumas pessoas que queiram ir vão à Missa do Galo.

O Básico é mesmo isto.

Porém, eu guardo sempre uma prenda, normalmente a da minha Madrinha para a manhã do dia 25.

A roupa que eu recebo, caso receba, uso no dia 25 e se tiver outro conjunto, uso no Ano Novo. Normalmente, a minha Madrinha ou o meu Papá dão-me roupa. Quando não me dão, porque me dão outras coisas, penso logo no que eu vou vestir no dia seguinte, pois conto sempre com aquela roupa.

No dia seguinte, volta-se para a casa da minha Tia ou fica-se em casa (ou seja, passamos os dois dias na mesma pessoa. Na minha família, o Natal são os dois dias). Almoça-se o leitão, exepto eu que não gosto.

Come-se a sobremesa. Conversa-se. Os meus Avós vão para casa por volta das dezoito. Janta-se. Vai-se para casa, pois a maioria trabalha no dia seguinte.

Beijinhos

 

Natal 2017

Presente Para Nós Próprios || É Errado?

Olá Nossos Devanienses (E Presentes Que Tanto Adoramos)!

 

FELIZ NATAL!

Amanhã é dia de abrir presentes (ou hoje, dependendo das tradições) e sabe sempre bem receber um miminho, não é verdade?

Há muito a tendência (deveremos usar esta palavra?) de embrulhar presentes que são para nós próprios.

Uni acabou de entrar no meu quarto e perguntou se eu dou prendas a mim própria, pois a maioria das prendas da árvore são para mim e têm a minha letra.

Eu chamo de amor próprio. Um mimo que sabemos que vamos gostar. Anima e aquece a alma.

No meu caso, são uns vinte miminhos, sem exagero. Vou amar abrir!

Depois eu vou mostrar-vos tudo!

Beijinhos

Natal 2017

Presentes Especiais || As Caixas

Olá Nossos Devanienses Tão Especiais!

 

Há uns anos atrás descobri a utilidade das caixas para pessoas desorganizadas como eu. Posso dizer que sou bem desorganizada. Achei bastante fofo.

A partir desse momento, passei a dar a Uni tornando o presente mais especiais. Dei-lhe nos Natais, Aniversários e Comunhão.

A caixa da imagem foi a favorita da Uni. Visto que a Sininho é das personagens favoritas dela e o verde é a cor preferida dela.

Encho a caixa de miminhos e é isso que torna tudo especial. Sejam doces, produtos e por ai.

Já lhe dei, à vontade, umas seis caixas. Todas muito bonitas. Inclusive uma da Brave. Aliás, todas são lindas.

Adoro bastante e ela também, pois torna mais misterioso.

Beijinhos

Natal 2017

Dar Prenda Ou Não? || Animais de Estimação

Olá Nossos Devanienses Natalinos (E Animais de Estimação)!

 

Como sabem, tenho uma gatinha, a Lilly. A mascote do blog.

Para mim, é como se fosse uma filha. Logo, tem direito a uma prendinha, um miminho. Além dela, também vou dar à minha sobrinha, a Nono. A Nono é a gatinha da Uni.

Os animais de estimação dão-nos amor todo o ano, logo merecem um miminho. Nem que seja um brinquedo ou a sua comida favorita. Merecem todo o ano, aliás. Dedicam-se a cada segundo.

Quem considera um desperdício de dinheiro, está no seu direito. É válido. A época de Natal não significa que temos de dar prendas. As prendas devem ser dadas com sentimento. Seja a uma pessoa como a um animal do amor. Eu gosto de lhe chamar de animais do amor, pois eles estão cheios de amor para nos dar. É para isso que eles existem, não para serem abandonados.

Toda a gente adora receber um miminho, nem os nossos meninos são excepção. É uma Época Especial que deve ser partilhada com quem nós mais gostamos.

Claro que as demonstrações de amor não são embrulhadas, pode-se demonstrar amor doutras formas, não está isso em causa. Simplesmente, para quem como eu que adora dar presente, faz todo o sentido. Ao menos, nesta Época do Ano, não tenho de inventar desculpas para dar um miminho a quem eu mais gosto. AMO DAR PRESENTINHOS!

Dar ou não, eis a questão. Vai de cada um e do que lhe faz sentido. Tem de fazer todo o sentido, senão não vale nada a pena. Dar por dar não faz sentido. Não tem valor. Cai mal. Não importa se é para um animal de amor ou não, nada pode ser dado por dar. Só porque tem de ser. Nada tem de ser feito assim. Só porque faz parte. O frete nunca fica bem.

Dêem com amor, só assim é que tem de ser.

Beijinhos

Natal 2017

Piores Presentes || Natal de 2017

Olá Nossos Devanienses ( E Piores Presentes)!

 

Para quem já viu a minha lista de prendas, sabe que adicionei lá um presente que a maioria das pessoas dispensa de todo: meias. Como sabem também, eu não sou a maioria e estou a ficar idosa. Aliás, todas as meias que receberem, podem-me oferecer, calço o número 38.

Há várias categorias de piores presentes. Várias mesmo. Um delas pode transformar um óptimo presente no pior: Presentes que se deve dar em privado. Para esta categoria eu destaco a lingerie. Não coloquem o embrulho da lingerie na árvore como se fosse um perfume. Envergonhar a pessoa estraga o espírito natalicio.

Os perfumes podem ser considerados piores presentes, pois o perfume é algo pessoal.

Dar um animal de estimação de presente também não é boa ideia. Um presente deve ser surpresa e não se vai oferecer um gato de surpresa sem saber que quem vai receber quer. Tem de ser uma adopção responsável. Ainda mais se for menor. Caso seja menor, tem de pedir autorização aos pais e ai sim, até poderá ser surpresa. Porém, não comprem. Por mais que se sintam tentados a tal acto, não façam. Há bastantes para adoptar. Os cães, gatos e companhia limitada são seres vivos. Como tal, não vendáveis. Mesmo pagando os impostos. Este tema daria pano (e polémica) para mangas. Não me vou alongar.

Presentes da categoria Se não gostar, troca são os mais horríveis. Não são dados com gosto. São um frete. São uma obrigação. Para obrigações, finja de morto e dê a si próprio os presentes. Tira o Espirito de Natal.

Os presentes não têm de ser uma obrigação, tem de ser com amor. O mesmo amor com que se dá presentes a nós próprios. Eu já tenho seis presentes (ou mais) na árvore para mim.

 

Sabe bem receber, mas também sabe bem dar com gosto.

Só dê presentes com amor e com vontade de receber um sorriso genuino em troca.

 

Dar presentes por obrigação torna qualquer presente no pior que pode existir. Não tem valor.

 

Nunca dê um presente que nunca gostaria de receber.

Nunca dê um presente com segundas intenções.

Nunca dê um presente só porque a outra pessoa também vai dar.

 

Claro que o que para uma pessoa é o pior presente para outras é o melhor. Já dei o meu exemplo no ínicio no caso das meias. Há um video que se tornou viral com um menino que amou receber uma banana. Eu detestaria, pois detesto esta fruta. Cada pessoa é uma pessoa. Questiona-se a pessoa que se pertende dar o presente se não se conhece muito bem. Mas acima de tudo, tem de se dar com todo o amor e carinho. 

Beijinhos

 

 

 

 

 

 

 

 

Natal 2017

Circo || Falando De Gostos

Olá Nossos Devanienses (E Amantes De Circo)!

 

Parece que estamos cheias de ideias para novas rubricas. Neste caso, criamos a Falando de Gostos.

Nesta época de Natal há bastantes circos espalhados pelo país e confesso que não gosto nada.

Quando dá na televisão no Natal é um terror. Pois, embora eu nem veja televisão, no Natal tem de estar ligado, normalmente. Não dá mais nada.

Quando era pequena, só ia, porque davam-me um presente no final. Tinha de aguentar. Ao menos, tinha comida. Aqueles espetáculos que algumas empresas arranjavam para os seus funcionários e no final davam os presentes aos filhos até uma dada idade. (Não sei se me expliquei bem. Funcionários da empresa que aluga o espetáculos, comprando os bilhetes para os funcionários, não falo dos funcionários do circo em questão).

Eu sempre detestei circos por duas razões: os palhaços não tinham a menor graça maltratavam animais.

Até nos filmes de terror dispenso palhaços. Não tenho Coulrofobia, medo de palhaços, mas não lhes acho a menor graça em nenhuma das situações. Pode ser sisma? Pode ser sisma. Até porque eu não iria a um circo, mesmo que não houvessem palhaços e animais.

Não vou dizer que não gosto de nada no circo. Gosto da comida, normalmente, pipocas e cachorros, e dos presentes do final. Presente esse que já não recebo. Pipocas cachorros como em casa. Logo, não tenho motivo nenhum para ir a um circo. Com o preço do bilhete (cada vez mais caros) posso ir comer um rodízio de sushi.

Só há um circo que eu gosto, o Circo da Série The American Horror Story ( TAHS). 

Não gosto mesmo, de todo. Acho que esses profissionais devem ser vistos por pessoas que ainda não perderam a magia do circo. Eu acho que nunca tive.

Beijinhos

 

Natal 2017

Natal 2017 || Espírito Natalício

Olá Nossos Devanienses (e Natal 2017)!

sushi.

O Espírito de Natal este ano está mais activo ou sou eu que estou a ficar senhora (AKA velha)? Não respondam, por gentileza.

Já liguem vezes sem conta para o Pai Natal. É muito aconchegante. Não faço o que ele diz, mas amo ouvir.

E agora devem-se estar a questionar se isso quer dizer que já tenho todas a prendas. Claro que não. No dia 1 de Dezembro, arranjei a minha primeira prenda. Já está na árvore. É para o Papá.

Até ao dia 9 de Dezembro tenho de ter todas as prendas organizadas. Esse dia tenho o Jantar de Natal. Esse facto faz com que seja o meu limite.

Caso se estejam a perguntar o que será o jantar, é meio óbvio: sushi.

Terá uma surpresa, irei mostrar se possível.

Beijinhos